Qual é o melhor período do dia para se treinar?

Qual é o melhor período do dia para se treinar?

Ao escolher o melhor horário do dia para se treinar inicialmente devemos estabelecer qual é o objetivo do seu treino e a sua disponibilidade.

Se o seu objetivo é ganho de força muscular, os estudos demonstram que possivelmente o melhor horário seria de 16 às 20 hs. Inclusive, é neste horário em que principais recordes esportivos são alcançados.

As causa ainda não foram totalmente elucidadas, mas provavelmente está associado há um aumento da motivação, uma melhor proporção testosterona/cortisol,  um aumento da temperatura corporal que aprimora a atividade das enzimas musculares, facilita a condução do estímulo nervoso, reduz a viscosidade muscular e diminuí a co-contração dos músculos antagonistas.

Contudo, se o seu objetivo é o aprimoramento da técnica e a melhora da execução de movimentos complexos, normalmente instruído por treinadores, o melhor período é o da manhã. É o momento do dia em que você tem a maior capacidade de se concentrar e aprender.

Pensando em fitness, principalmente hipertrofia, o fator tempo/disponibilidade é o preponderante. Apesar de alguns estudos demostrarem aumento da força de 16 às 20 hs, outros mostram uma maior capacidade de executar um maior número de repetições pela manhã. Tendo em mente que a principal variável na hipertrofia é o volume total do treinamento (número de dias que você treina aquele grupo muscular x número de exercícios x número de séries x número de repetições x carga x tempo de execução dos exercícios),  o melhor horário é aquele em que você consegue treinar mais tranquilamente, dando as pausas adequadas e seguindo corretamente as orientações dos personal.

Se a sua meta é um aumento da performance para uma determinada competição, você deve treinar nos horários das provas por um período suficiente de tempo que permita a adaptação do seu corpo a este horário.

Agora, o melhor de tudo é que independente de qual seja o ideal momento do dia para se produzir força, técnica, hipertrofia ou performance, o seu horário fixo de treino irá estimular uma adaptação sistêmica que determinará um aumento gradual do condicionamento muscular para aquele horário, assim você irá progredir de qualquer maneira.

Obs: Não necessariamente o volume de treino está associado ao tempo de academia, já que existem metodologias mais avançadas em que você treina mais intensamente e por menos tempo, porém sabemos que com pausas maiores, você consegue carregar uma maior quantidade de peso por mais tempo.

Saiba mais sobre a consulta do Dr. Rafael Fantin em http://www.rafaelfantin.com.br

SUPLEMENTAÇÃO ALIMENTAR PARA REDUZIR A DOR MUSCULAR PÓS TREINO.

SUPLEMENTAÇÃO ALIMENTAR PARA REDUZIR A DOR MUSCULAR PÓS TREINO.

No pain with gain

A suplementação de TAURINA + BCAA ameniza a dor muscular que sentimos nos 3 primeiros dias após a modificação de um treinamento, como o que o ocorre na troca de ficha da musculação.

Estudos comprovaram que esta associação reduziu os marcadores de lesão muscular e estresse oxidativo, a quantificação da dor relatada pelos atletas e o edema muscular local.

É importante lembrar que estes benefícios SOMENTE ocorrem na associação destes suplementos.

 

BETA ALANINA

BETA ALANINA

BetaAlaninaPor ser o aminoácido limitador da síntese de carnosina, a suplementação de Beta Alanina pode aumentar a concentração de carnosina intramuscular em até 80%, melhorando assim a performance em exercícios de até 240 segundos, ao atenuar o aumento da acidez muscular induzida pelo exercício.
A melhora da performance é demonstrada pelo aumento do tempo até a exaustão, o aumento da velocidade máxima e a redução da percepção de fadiga. Não aumenta a força muscular, mas permite o aumento do volume de treinamento, aperfeiçoando a hipertrofia e/ou a definição muscular.
Além disso, a carnosina pode diminuir o estresse oxidativo ao reduzir a produção de radical livres pelo íons cobre e ferro.
A Beta Alanina está presente em quase todos os pré-treinos, porém em uma dose insuficiente para o acúmulo muscular, sendo portanto, ineficiente nestes produtos.
Como efeito colateral, ocorre principalmente a parestesia na face, no pescoço e no dorso da mão.

Olá! Como vai?
Em que posso te ajudar?